Programas de Diversidade: Prepare a Casa Primeiro

Muito tem sido dito sobre diversidade e programas de inclusão em empresas. Os mais sensíveis já entenderam que ter uma atitude aberta em relação ao assunto tornou-se essencial e que ignorá-lo é um risco.

Na verdade, estas empresas antecipam e procuram compreender os benefícios que a diversidade pode trazer e depois refletem estes conceitos em suas organizações, através de programas bem estruturados e sessões de treinamento de funcionários.Muitas pessoas com as mãos em cima das outras em forma de união

Programa de Diversidade: As Vantagens para uma Empresa

A primeira vantagem para uma empresa que recebe profissionais de um grupo de diversidade ou grupo minoritário está relacionada à imagem da empresa. A empresa é vista como uma organização que respeita e valoriza as diferentes realidades dos indivíduos. Mais importante ainda, a empresa é reconhecida por promover um espaço de discurso para que esses indivíduos se reconheçam em cada ação de diversidade tomada e se sintam confortáveis no ambiente da empresa, independentemente do sexo, idade, religião ou até mesmo localização.

Além disso, uma equipe diversificada traz melhores resultados. Ela tem representantes de diferentes grupos sociais com pontos de vista que se complementam na solução de problemas cotidianos. Além disso, as pessoas são encorajadas a dar o melhor de si, já que trabalham em um lugar onde se sentem bem. Criatividade e inovação também estão entre os ganhos observados, de acordo com o estudo “Fostering Innovation Through a Diverse Workforce” realizado pela revista Forbes.

Programa de Diversidade: Um fator-chave para o sucesso

A diversidade também é um fator-chave de sucesso para o crescimento em escala global. Se considerarmos o impacto da pandemia relacionada à contratação de pessoas para trabalhar remotamente, independentemente de onde elas estejam localizadas, a diversificação cultural é uma nova realidade que se apresenta a muitas empresas, especialmente aquelas que operam em segmentos como o tecnológico.

Este cenário traz ganhos, mas também cria uma necessidade de adaptação da organização para receber este novo público com seus costumes únicos, religiões e sotaques regionais, entre muitas outras particularidades.

Quando as vantagens são claras e a empresa decide diversificar o perfil de seus funcionários, é hora de dar um segundo passo para adotar um programa de diversidade: preparar a casa. 

Não basta que a equipe de recrutamento realize processos de seleção entrevistando pessoas pertencentes a grupos LGBTQIA+, negros, mulheres ou pessoas acima de 50 anos de idade. Também é necessário preparar a casa antes de iniciar este tipo de contratação para que, ao ingressar na empresa, as pessoas se sintam acolhidas de acordo com sua realidade e possam desempenhar suas funções da melhor maneira possível.

Avenue engage banner

Programa de Diversidade: Familiarização com a idéia

Da mesma forma, a equipe que receberá estas novas contratações precisa estar familiarizada com o conhecimento e a transformação cultural com os conceitos de diversidade e inclusão. E ainda mais importante, é necessário entender quais as diferentes formações que eles encontrarão com seus novos colegas de trabalho. Eles precisam se sentir confortáveis e dispostos a integrar os novos colegas com respeito e profissionalismo.

Esta etapa antes de contratar precisa ser muito bem orquestrada para que a implementação de um programa de diversidade e inclusão seja bem sucedida. O ideal é começar com a elaboração de um plano estratégico que contenha objetivos, metas e um cronograma, além da definição de quais perfis profissionais a empresa deseja receber.

Ao mesmo tempo, é essencial envolver o público interno. Este movimento pode ser feito através de apresentações e conversas sobre o tema em diferentes níveis, incluindo o nível C, para que o propósito seja claro, assim como a necessidade do engajamento de cada funcionário.

Programa de Diversidade: Campanhas de comunicação

As campanhas de comunicação também são ferramentas poderosas para preparar um ambiente favorável para a boa convivência e produtividade de diferentes indivíduos.

A duração da fase de preparação varia de empresa para empresa. Não há uma abordagem de tamanho único. A área responsável pelo programa deve avaliar a maturidade dos funcionários sobre o assunto e depois definir o tempo para começar a recrutar.

A partir daí, tudo deve ser pensado para facilitar o processo de integração desses profissionais: a campanha de comunicação para atrair candidatos potenciais para vagas (que muitas vezes nem acreditam que podem ter uma oportunidade no mundo corporativo), a abordagem oferecida em todas as etapas do processo, e as ações de boas-vindas e integração.

Programas de diversidade sérios requerem planejamento, esforço e comprometimento em todos os níveis para serem verdadeiramente eficazes e para beneficiar a todos.

Picture of Lucas Mattar

Lucas Mattar

Related Posts

Meet the best solutions for your company
Timesheet and People Management
Talent Acquisition
Coming Soon: CRM for Sales

Get in touch and and see what we can do for your business – no strings attached!

Get in touch and and see what we can do for your business – no strings attached!